Como Praticar Gratidão



A prática da gratidão tem efeitos incríveis, pode significar uma mudança na vida e tem efeitos de longo alcance, desde a melhoria da nossa saúde mental até ao reforço das nossas relações com os outros.


Viver a vida com gratidão ajuda a notar os pequenos eventos - como o autocarro a aparecer mesmo a tempo, um estranho a segurar a porta ou o sol a brilhar pela janela quando se acorda de manhã. Cada um destes pequenos momentos junta-se para criar uma teia de bem-estar que, com o tempo, reforça a capacidade de notar o que de bom sou, tenho e acontece.


Construir a capacidade de gratidão não é difícil. Basta apenas praticar.


Quanto mais colocamos a atenção naquilo pelo qual nos sentimos agradecidos... mais nos sentimos agradecidos!


A ideia é começar por notar e observar. Reparar no que há para agradecer.


Qual é a resposta habitual? É um notar apressado que torna algo/tudo num detalhe sem importância? É uma consideração só à posteriori? Como te sentes quando exprimes agradecimento em pequenas situações? Stressado, nervoso, um pouco distraído? Faz um exame rápido do teu corpo nesses momentos e nota se já estás a passar fisicamente para a próxima interacção?


Escolhe uma interacção por dia. Quando o instinto para dizer "obrigado" surgir, para por um momento e toma nota no sentido de tornar isso algo importante e não um simples detalhe. E só então, agradece.


Como Praticar a Gratidão?


As pesquisas revelam que existem dois componentes chave para praticar a gratidão:


⁃ Agradecer e dar importância às coisas boas que recebemos


⁃ Reconhecer com bondade o papel que as outras pessoas desempenham na nossa vida


A maioria de nós tem consciência que é importante expressar agradecimentos às pessoas que nos ajudam ou, pelo menos, reconhecer silenciosamente as coisas pelas quais estamos gratos na vida.


As pesquisas têm relacionado a gratidão com uma vasta gama de benefícios, incluindo o fortalecimento do sistema imunitário e a melhoria dos padrões de sono. Faz sentirmo-nos mais optimistas, experimentamos mais alegria e prazer, tornamo-nos mais prestáveis e generosos, sentimo-nos menos solitários e isolados.


Como te sentes ao ouvir isto? Interessa-te colher alguns destes benefícios?


Começa com uma prática de gratidão.


Como diz Jon Kabat-Zinn, "As pequenas coisas? Os pequenos momentos? Eles não são pequenos!". Dizer obrigado por alguém segurar a porta, é um pequeno momento que pode mudar o tom do dia inteiro.


Uma das formas mais poderosas de renovar o cérebro e sentir mais alegria e menos stress é concentrar-se na gratidão.


Aqui estão 10 formas simples de te tornares mais grato:


⁃ Mantém um Diário de Gratidão. Estabelece uma prática diária na qual te lembres dos teus dons, graças, benefícios, e coisas boas de que gostas. Recordar momentos de gratidão associados a eventos comuns, os teus atributos pessoais, ou pessoas importantes na tua vida, dá-te o potencial de desenvolver gratidão na tua vida.


⁃ Faz a ti mesmo três perguntas. Medita nas tuas relações com pais, amigos, irmãos, colegas de trabalho, filhos e parceiros, e coloca estas três perguntas:


"O que recebi de __?"

"O que dei a __?"

"Que problemas e dificuldades causei?"


⁃ Partilha a Gratidão com os outros. As pesquisas nesta área revelam que a expressão de gratidão pode fortalecer as relações. Portanto, da próxima vez que o teu parceiro, amigo ou familiar fizer algo que aprecias, não deixes de os informar.


⁃ Tem atenção aos Sentidos. Através dos nossos sentidos - a capacidade de tocar, ver, cheirar, provar e ouvir - ganhamos uma apreciação do que significa ser humano e de como é um incrível milagre estar vivo. Visto através da lente da gratidão, o corpo

humano não é apenas uma construção milagrosa, mas também um dom.


⁃ Usa Lembretes Visuais. Porque os dois principais obstáculos à gratidão são o esquecimento e a falta de consciência, os lembretes visuais podem servir como pistas para desencadear pensamentos de gratidão. Muitas vezes, os melhores lembretes visuais são outras pessoas.


⁃ Faz um voto de gratidão para praticar. As pesquisas mostram que fazer um juramento para executar um comportamento aumenta a probabilidade de que a acção seja executada. Portanto, escreve o teu próprio voto de gratidão, que poderá ser tão simples como: "Juro contar as minhas bênçãos todos os dias"; e afixa-o em algum lugar onde te será recordado todos os dias.


⁃ Atenção à tua língua. As pessoas agradecidas têm um estilo linguístico particular que utiliza a linguagem dos dons, dos doadores, das bênçãos, dos abençoados, da fortuna, dos afortunados e da abundância. Em agradecimento, não é aconselhável concentrares-te só em como é inerentemente bom, mas também nas coisas inerentemente boas que outros fizeram em teu nome.


⁃ Pensa fora da caixa. Se quiseres aproveitar ao máximo as oportunidades para treinar os teus músculos de gratidão, será importante procurares criativamente novas situações e circunstâncias em que te sintas agradecido.


⁃ Saborear o que já existe de bom na vida. Nos dias em que a gratidão é difícil de encontrar, sintoniza com os sentidos.


A meditação a seguir convida a cultivar a gratidão ao abrandar e notar o que se pode ver, ouvir, tocar, cheirar e saborear. Não tem de haver nada de especial para praticar a gratidão - talvez seja tão simples como sentir- se grato pelo café da manhã, ou por um bom livro.


Explora esta prática simples para apreciar as pequenas coisas.


NOTA: Para ouvir a Meditação da Gratidão, basta copiar o link em abaixo e colar no browser.


https://static.wixstatic.com/mp3/753601_9bced7864b0c4158988c7aaba9ad9906.m4a

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo